quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Esquece!


Já aconteceu comigo, com a Cláudia, com a Maria e com a torcida do Flamengo: esquece! Essa palavrinha mágica que insistem em dizer num momento de estresse. O bonito olhou pra primeira loirinha que cruzou seu caminho: esquece. A nota vermelha tirada na prova no final do semestre: esquece. A bola fora de uma amiga que você tanto confiava: esquece.

Imploramos aos céus que nos ajude a por em prática esse conselho. Mas, a fraqueza se impõe para o nosso desespero. Basta um dia, um mês, um ano e adivinhe só? Seu pedido foi respondido. Tudo o que você precisava aconteceu: você "esqueceu". Até que um belo dia algo ou alguém nos remete ao que estava dado por encerrado. Pulso firme nesta altura? Esquece! 


Texto por: Luh Farias

Nenhum comentário: