sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Maysa



Pelo que parece, a minissérie Maysa caiu mesmo no gosto do público. Principalmente o feminino. Talvez porque exista um pouquinho de Maysa dentro de cada uma de nós. Qual mulher não gosta da idéia de ser independente? Quando falo em independência me refiro não só a financeira, mas a emocional também. Ser independente financeiramente de alguém, eu particularmente, acho uma vitória. Mas emocionalmente é um desafio e tanto.

Já pensou no quanto seria bom para nosso estado de espírito desfilarmos um sorriso colgate sem dar importância às peripécias do querido? Ou então em quantos litros de lágrimas iríamos poupar se não déssemos a mínima para o sentimentalismo? Sem contar nas horas a mais de sono que desfrutaríamos ao invés de ficarmos rolando de um lado para o outro pensando na confusão que tomara conta do nosso ser. Para muitas isso pode soar como perversão, mas ainda assim sei que existem muitas Maysas no anonimato.

Eu sou uma.

Copyright© 2009 - Todos Os Direitos Reservados

Nenhum comentário: